Tesoureiro do PT é morto em festa em Foz do Iguaçu; secretário de Segurança da cidade fala em ‘intolerância política’

0
33

O tesoureiro do PT em Foz do Iguaçu e guarda municipal Marcelo Aloizio de Arruda, de 50 anos, foi morto na noite de sábado durante sua festa de aniversário no município do Paraná. A comemoração era temática do partido e do ex-presidente Lula, pré-candidato à Presidência. O suspeito está internado sob custódia.

Políticos e autoridades lamentaram o episódio, o presidente Jair Bolsonaro republicou mensagem de 2018 em que diz: “Dispensamos qualquer tipo de apoio de quem pratica violência contra opositores. A esse tipo de gente, peço que por coerência mude de lado e apoie a esquerda”.

Em nota, o PT do Paraná lamentou a morte do tesoureiro e disse que presta assistência à família da vítima e que acompanhará todas as investigações. “Um ataque contra a vida, um ataque contra a liberdade de expressão, um ataque contra a democracia”, disse o PT-PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui