loader image
quarta-feira, 3 março, 2021
Início atualidade Estatinas reduzem mortes por Covid-19

Estatinas reduzem mortes por Covid-19

Uma pesquisa espanhola da Universitadade Rovira e Virgili (URV) e do Instituto Pere Virgili Institut (IISPV), aponta que pessoas tratadas com Estatinas têm o risco de morte reduzido em até 25% quando infectadas pelo Coronavírus.

Os resultados da pesquisa foram publicados no último dia 2 de novembro no European Heart Journal – Cardiovascular Pharmacotherapy.

Primordialmente, as estatinas são remédios usados para reduzir o colesterol do sangue e quando usadas no tratamento da Covid-19, se mostraram altamente eficazes.

Para o estudo, os especialistas colheram dados de 2.159 pacientes com Covid de 19 hospitais na Catalunha entre março e maio de 2020.

Em princípio, foram avaliadas 100 variáveis ​​clínicas por paciente, como idade, sexo, doenças prévias, níveis de colesterol, evolução do vírus, tratamentos utilizados e assim por diante.

Depois, os cientistas compararam as taxas de mortalidade de pacientes tratados com estatinas com os índices de mortalidade entre aqueles que não utilizavam o medicamento.

“Na nossa comparação, ajustamos os grupos para que fossem comparáveis ​​em termos de idade, sexo e existência de doenças anteriores”, explicou o pesquisador e coordenador do estudo Lluís Masana.

Percentual de mortes

O percentual de pacientes que morreram de Covid-19 no grupo não tratado com estatinas foi de 25% enquanto os óbitos de usuários do remédio foi de 19,8%, significando, assim, uma redução de 22%.

“Em primeiro lugas, as informações indicam que o tratamento com estatinas previne uma em cada cinco mortes. Além disso, se o tratamento com esse medicamento continuar durante a hospitalização, a mortalidade cai até 25%, evitando assim uma em cada quatro mortes”, destacou o pesquisador.

Da mesma forma, o estudo concluiu que um dos desdobramentos indiretos da pandemia é que algumas pessoas pararam de tomar medidas preventivas destinadas a combater doenças crônicas, como o uso de estatinas nos casos de quem tem o colesterol acima dos níveis normais.

“Eventualmente, alguns profissionais de saúde aconselharam a retirada de medicamentos por acreditarem que eles podem piorar os efeitos da Covid-19. No caso das estatinas, demonstramos que o medo da pandemia nunca deve servir de pretexto para suspender o tratamento”, disse o cientista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais popular

Estatinas reduzem mortes por Covid-19

Uma pesquisa espanhola da Universitadade Rovira e Virgili (URV) e do Instituto Pere Virgili Institut (IISPV), aponta que pessoas tratadas com Estatinas têm o...

Prefeitura armazena decoração de natal em galpão de comitê

Boa parte da decoração de Natal da Prefeitura de Boa Vista está armazenada em um galpão que é usado como comitê de campanha do...

Teresa Surita e marido são denunciados

A assessoria jurídica do deputado estadual Jalser Renier (SD) e do candidato a prefeito, Ottaci Nascimento (SD) registrou um boletim de ocorrência e uma...

Coligação define novo nome esta semana

Com o falecimento de Edileusa Lóz, candidata à vice-prefeita de Boa Vista pelo MDB (Movimento Democrático Brasileiro), a definição do novo nome para o cargo...

Comentários recentes